Mega Sena, 20 anos de Prisão para Viúva.

Noticias

A cabeleireira Adriana Ferreira de Almeida, de 39 anos, conhecida como a Viúva da Mega Sena, foi transferida neste domingo (18) para a Cadeia Pública Joaquim Ferreira de Souza, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, zona oeste do Rio de Janeiro.



Após a sentença, ela tinha sido levada para uma carceragem em Araruama, no interior do Estado do Rio.

A mulher foi condenada na última quinta-feira (15) a 20 anos de reclusão pela morte do marido, o ex-lavrador Renné Senna, que ficou milionário ao ganhar o principal prêmio da loteria.

A decisão foi proferida pelo juiz Pedro Amorim Gotlib Pilderwasser, titular da 2ª Vara Criminal de Rio Bonito (RJ) depois de três dias de julgamento.

No seu depoimento, Adriana contou que conheceu Renné por meio da irmã dele, com quem trabalhou em um salão de beleza, em 2005.

O relacionamento entre eles só começou no ano seguinte, depois que Renné ganhou o prêmio. Ela afirmou ainda que não sabia que teria direito à herança deixada pelo ex-lavrador.

Disse que foi informada pela imprensa, quando Renné foi morto.